segunda-feira, 28 de novembro de 2016

As Criaturas (de novo)

Tive um comentário com um médico onde manifestei o meu arrependimento por não ter aceite um convite para ir trabalhar para a Austrália há vinte anos atrás.

-E não tinha medo lá dos animais da Austrália? Das Aranhas venenosas, dos tubarões, etc?

-Não, tenho mais medo de estar entre as pessoas do que de nadar com tubarões. Esses só nos atacam quando têm fome ou se sentem ameaçados, não sem antes avisarem.
As pessoas atacam por inveja, maldade pura ou apenas por capricho. Muitas vezes à traição, fazendo passar-se por nossos grandes amigos, dão-nos palmadinhas nas costas apenas para encontrar o melhor sítio para espetar a faca.

-Você está descrente da humanidade.

-Conheço muitas pessoas boas, genuinamente boas. Mas também conheço muitas criaturas pouco dignas de ostentar o título de ser humano, se calhar em maior número que as primeiras.
Criaturas nojentas e indignas sequer do meu ódio. Pena que às vezes, apenas às vezes não consigo sentir por elas apenas uma indiferença profunda. Ficamos por aqui.


sexta-feira, 27 de novembro de 2015

Justiça?


Hoje fiquei chocado. Como é que alguém é atacado em sua própria casa e depois é obrigado a indemnizar o mandante da agressão?

O nosso sistema de justiça é de facto de brincadeira, aliado a uma advogada - Sónia Valente - que... vamos apenas ficar por chamar INCOMPETENTE.


domingo, 15 de novembro de 2015

The Dark Side of the Moon: O Ódio

The Dark Side of the Moon: O Ódio: Não vou escrever muito, apenas vou pedir emprestadas a voz e as palavras desse grande vulto da música - Leonard Cohen e o lápis de Osama...

Acabei de ouvir Peter Fonda dizer que está na hora dos B52.

Acabou o tempo do politicamente correto. Acabem com esse bando de arruaceiros, acabem de vez com eles, está na hora de uma resposta musculada contra essa escumalha que quer impor uma forma de vida ao resto do mundo.


Fiquem bem no lado escuro da lua.

domingo, 10 de maio de 2015

Porcos!

Hoje fui passear, como quase todos os dias até à praia.
Fiquei chocado com a licheira que vi! Eram sacos de batatas fritas, copos, sacos, garrafas tudo em plástico, guardanapos, copos de yogurte era impossível uma pessoa deitar-se sem afastar um bocado de lixo.
Qual é o problema das pessoas? Será que custa muito deitarem o lixo nos caixotes quando se vão embora?
Depois veem com normas para regras para limitar os cães na praia, deviam era proibir as pessoas, pelo menos aquele pessoal buçal que deixam rasto de porcaria por onde passam, como os caracóis...

sábado, 25 de abril de 2015

Criaturas

Tenho vindo poucas vezes descarregar o fel, daí que tenha muitos assuntos diferentes.
Vamos então por partes.
Aquela cabeça platinada que se diz presidente da AR. A sério aquela criatura irrita-me solenemente, não diz 2 certas de seguida, depois tem aquele ar enjoadinho e irritante, sem entrar noutras considerações irrita-me que a segunda personalidade do estado tenha se reformado com menos de 50 anos!
O outro sujeito que está ao lado dela a dormir, cujo o nome não me recorda, que também é reformado e cuja pensão não chega para as despesas, também tem um cantinho na minha vesícula biliar.
Já agora, porque estou a ver estas criaturas a passagem na tv - nas comemorações do 25/4, aquela desgrenhada dos Verdes, essa que passa a vida a gritar é outra que me faz nerves.
 

sexta-feira, 18 de julho de 2014

Two down, three more to go

Ainda não tenho a certeza se este é o local e o tempo apropriados, mas já muito zurzi por aqui, antes da grande limpeza e da abertura ao público, sobre algumas pessoas que me tentaram f... Lixar a vida, em diversas ocasiões e enquadramentos.
Pois bem, afinal sempre existe uma justiça divina!
Two down, three more to go!